Imprensa

16 de agosto de 2018

Escolas municipais são pontos de entrega voluntária do óleo de cozinha usado

O município de Carapicuíba intensifica ações para estender a coleta do óleo de cozinha usado à toda população. O Programa Meio Ambiente nas Escolas quer tornar as mais de 40 escolas municipais Pontos de Entrega Voluntária do óleo. Somam-se a isso as atividades de educação ambiental com os alunos e a mobilização de suas famílias. Clique e veja o endereço das escolas.

A coleta do óleo impede a contaminação de mananciais e educa para uma cidade mais limpa. A proposta é fazer com que o descarte correto do óleo de cozinha usado se transforme em conscientização ambiental dentro das escolas, onde os processos educativos acontecem mais fortemente.

“A consciência da população em relação à coleta de óleo e separação de resíduos tem refletido em melhores resultados a cada ano, o que se deve, entre outras coisas, aos esforços de políticas municipais para o cuidado com os recursos naturais” diz o Secretário de Meio Ambiente em Sustentabilidade de Carapicuíba. Entre as ações que foram intensificadas a partir de 2017 está o funcionamento dos Ecopontos, que receberam mais de 560 toneladas de resíduos nos seis primeiros meses de 2018, e todos estes materiais receberam uma destinação correta.

Pela lógica do programa, o recurso da venda do óleo entregue nas escolas, passa a ser destinado para a Associação de Pais e Mestres que decide em quais projetos de educação ambiental investir, assim como em novos produtos sustentáveis. O programa é uma realização do Instituto AUÁ, Preserva Recicla e Óleo Concórdia, em parceria com a Prefeitura de Carapicuíba.

Saiba como separar seu óleo:

Com a ajuda de um funil despeje o óleo usado e já frio em uma garrafa PET. Leve a garrafa PET para a escola mais próxima de sua casa e deposite nas bombonas do projeto. O óleo de cozinha usado receberá a destinação correta, podendo ser reciclado e transformado em produtos sustentáveis. 

 



Ver todas as notícias